Archive for the 'inglês' Category



Plataforma oferece aulas online de inglês e espanhol a alunos da rede pública

Cerca de 30 mil vagas em curso online gratuito de inglês e 25 mil vagas em espanhol são abertas por semestre para alunos da rede estadual de São Paulo. O projeto enfatiza o preparo de estudantes do ensino médio e do EJA (Educação de Jovens e Adultos) para a expressão oral, enquanto as aulas regulares costumam dar mais atenção ao ensino da gramática.

A plataforma é o primeiro curso a distância de Daiane Domingos Ribeiro, 14, que cursa o 1° ano do ensino médio na Escola Estadual Alexandre Von Humboldt, na Vila Anastácio (zona oeste da capital).

“Estudo em período integral e o online é muito bom pela acessibilidade em qualquer hora. Você não tem aquela preocupação com o dia em que tem de fazer as tarefas; acessa quando pode.” “O curso foi muito eficiente para me ensinar a escrita e a pronúncia, além do uso dos verbos e de palavras legais”, avalia.

Para o aluno do 3° ano do ensino médio Felipe dos Santos Lijas, 16, a diferença em relação às aulas que tinha na escola estadual Benedito Tolosa, na zona norte, foi a ênfase na oralidade. “Na escola, o curso de inglês era mais com ênfase na gramática”, conta Felipe, que agora faz o curso de espanhol.

“No espanhol, estou aprendendo a pronúncia das palavras, que são diferentes dependendo da localidade, e pegando boa parte da escrita. É boa a oportunidade porque a minha escola não tem espanhol na grade curricular.”

 Evasão

Em atividade desde 2012, o curso de inglês não usa mais o desempenho como critério de admissão. Com 80 horas de estudo, divididos em oito módulos de dez horas cada, o curso da Evesp (Escola Virtual de Programas Educacionais do Estado de São Paulo) é de nível intermediário e leva aproximadamente quatro meses para ser concluído.

Segundo a coordenadora da Evesp Ana Carolina Nunes Lafemina, o curso tem um aproveitamento de cerca de 30%, mas esse número poderia ser maior.

“O curso é gratuito e não é obrigatório, o que precisa ser levado em conta nas desistências iniciais. Há ainda um processo cultural que precisa ser mudado em relação ao ensino a distância, de que é necessário comprometimento pessoal para levar os estudos adiante”.

Curso

O acesso pode ser feito de modo remoto em um computador residencial ou nas escolas que dispõem de salas de informática. Cada aluno recebe do governo estadual um fone de ouvido com microfone para ouvir e gravar suas falas no idioma estrangeiro.

Já o curso de espanhol, de nível básico, começou a funcionar este ano. Diferentemente do curso de inglês, não dispõe de tutor online e dá preferência a estudantes que estão concluindo o ensino médio e com rendimento escolar. A carga horária é de 60 horas (seis módulos de dez horas cada), que equivalem a seis meses de estudo.

fonte: Cláudia Emi Izumi, UOL Educação, São Paulo, 05/08/2013
URL: http://educacao.uol.com.br/noticias/2013/08/05/plataforma-oferece-aulas-online-de-ingles-e-espanhol-a-alunos-da-rede-publica.htm

MEC seleciona técnicas de ensino de línguas inglesa e espanhola

prouca[fonte da imagem escolacosmejosedemaria.blogspot.com]

O Ministério da Educação recebe, até 3 de setembro de 2013 28 de fevereiro de 2014, inscrições de projetos de tecnologias de ensino e aprendizagem das línguas inglesa e espanhola, para uso de professores e estudantes do ensino fundamental e médio das redes públicas. As tecnologias deverão contemplar as quatro habilidades básicas – ler, escrever, falar e escutar –, conforme o edital do Ministério da Educação.

De acordo com Jaqueline Moll, diretora de currículos e educação integral da Secretaria de Educação Básica (SEB), as tecnologias selecionadas estarão disponíveis para as escolas e redes públicas em 2014. Para recebê-las, as secretarias estaduais e municipais de educação devem fazer a solicitação no Plano de Ações Articuladas (PAR) do próximo ano. O objetivo das novas técnicas, diz a diretora, é auxiliar os educadores no ensino das línguas estrangeiras e despertar o interesse dos estudantes.

O desafio, segundo Jaqueline Moll, é construir outro ambiente na escola para motivar os alunos a desenvolver a leitura, o falar e a compreensão da língua estrangeira. “Quem decora não se apropria da língua. O desafio é superar isso.”

Quem participa – Podem inscrever tecnologias para pré-qualificação pessoas físicas ou jurídicas que tenham criado instrumentos para o ensino e a aprendizagem de inglês ou espanhol. A participação está aberta a brasileiros ou estrangeiros, estes com sede no Brasil. A inscrição também está aberta a especialistas, pesquisadores, instituições de ensino e pesquisa, organizações sociais, entre outros. Os projetos escolhidos serão incluídos no Guia de Tecnologias Educacionais do MEC.

Conforme o edital, cada proposta deve contemplar apenas uma etapa do ensino – fundamental ou médio; um público – estudantes ou professores; e uma classificação – iniciante, pré-intermediário, intermediário, avançado. O autor pode inscrever mais de uma tecnologia, desde que atenda esses três itens. O edital esclarece que tais instrumentos educacionais são para uso de escolas urbanas ou do campo que pretendem ampliar a jornada escolar; fazer integração entre escola e a comunidade; promover o diálogo entre os conteúdos escolares, os saberes contemporâneos e locais.

A inscrição das tecnologias deve ser feita via internet, em formulário, no endereço disponível no edital publicado em 18 de junho de 2013. Os materiais devem ser enviados para a secretaria do Instituto de Informática da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

Guia – O Guia de Tecnologias Educacionais do MEC foi criado em 2007 e é uma das ações do Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE), lançado em abril daquele ano. Ele está estruturado em seis blocos: gestão da educação, ensino-aprendizagem, formação de profissionais da educação, educação inclusiva, portais educacionais, diversidade e educação de jovens e adultos. O guia tem hoje 195 tecnologias, entre as pré-qualificadas em chamadas públicas e aquelas criadas pelo ministério. A finalidade do guia é disseminar técnicas, ferramentas, aparatos de natureza pedagógica que possam auxiliar gestores e professores na decisão quanto a recursos a utilizar para melhorar a educação básica pública.

Ouça a diretora Jaqueline Moll

Leia a íntegra do edital “Edital de 17 de junho de 2013. Pré-qualificação de tecnologias educacionais para o desenvolvimento de competência linguístico-comunicativa em inglês ou espanhol, para estudantes e professores de inglês ou espanhol, do Ensino Fundamental e Médio, que contemplem as quatro habilidades (ler, escrever, falar e escutar) e que colaborem para a ampliação da jornada escolar na perspectiva da educação integral e integrada e da articulação da escola com seu território. Chamada pública MEC Guia de tecnologias educacionais inglês e espanhol”

fonte: Ionice Lorenzoni, portal MEC, 05 de agosto de 2013
URL: http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=18948

ver rectifição das datas do edital no D.O.U.  nº 171, Seção 3, pág. 36 http://www.jusbrasil.com.br/diarios/58673874/dou-secao-3-04-09-2013-pg-36

Visite também o portal específico na UFRGS sobre os editais de tecnologia http://seb.ufrgs.br/portal/

Plataforma permite aulas de inglês online para alunos com deficiência

Estudantes que possuem alguma deficiência visual ou auditiva podem se inscrever até esta terça-feira (30) para estudar inglês online de forma gratuita. A plataforma acessível é da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo, que disponibilizou 4.000 vagas para alunos da rede.

O sistema, que pode ser acessado de qualquer computador, permite que o estudante cego tenha acesso a descrições breves ou detalhadas das ilustrações e vídeo presentes no curso. Para os que possuem alguma deficiência auditiva, a plataforma possui um botão que abre uma janela com o texto em Libras (Língua Brasileira de Sinais).

Além do módulo acessível, estão abertas 22 mil vagas para alunos do ensino médio e do EJA (Educação de Jovens e Adultos).

As matrículas podem ser feitas até esta terça pela internet. O curso estará disponível a partir de quinta-feira (1º) e termina no dia 3 de dezembro.

Todos os alunos que participam das aulas de inglês online contam com tutores que acompanham os participantes via bate-papo com hora marcada e acompanhamento pessoal agendado, conforme a demanda. Os profissionais também estarão aptos a auxiliar os alunos com deficiência.

ingles_deficientes_sao_pauloimagem tomada da notícia original

fonte: UOL Educação, 29/07/2013.

My English Online. Um curso de inglês online gratuito

MyEnglishOnline

CAPES, junto com National Geographic Learning e CENGAGE Learning, lançou o curso online gratuito My English Online (MEO) baseado na ferramenta para ensino de idiomas MyELT, que oferece aos usuários um pacote completo de atividades interativas para o estudo da língua inglesa em qualquer horário e em qualquer lugar.

O usuário terá acesso a livros interativos, leituras graduadas (da National Geographic), exercícios de gramática (com correção imediata), dicionários, atividades para prática oral e testes de acompanhamento. Além disso, os materiais podem ser impressos para prática posterior, sem necessidade de consulta ao computador.

O curso é dividido em cinco níveis de aprendizado. Cada nível contém três partes abrangendo atividades com e-Book, vídeo, gramática e leituras. Ao final de cada parte, o usuário deverá fazer um Teste de Progresso como preparação para a Prova Final do nível.

Para se candidatar ao curso My English Online é necessário atender aos seguintes requisitos:

1. Estar matriculado em instituição de ensino superior pública, em curso de graduação; ou ter obtido pelo menos 600 pontos no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) para estudantes de graduação das instituições de ensino superior privadas; ou ser aluno de pós-graduação em Programa de Pós-Graduação recomendado pela CAPES.

2. A cada dois meses deverá, obrigatoriamente, realizar um Teste de Progresso de modo que, em cada nível, o estudante deverá realizar dois Testes de Progresso antes da Prova Final. O estudante receberá um aviso por e-mail caso não realize o teste ou a prova dentro do prazo.

O usuário terá sua senha cancelada e não poderá voltar a cursar o My English Online caso não realize os Testes de Progresso ou a Prova Final dentro do prazo estabelecido.

http://www.myenglishonline.com.br

Aviso:  Segundo um comunicado oficial, no dia 5 de março começou o periodo de inscrições para o curso. Veja a notícia correspondente “Estudantes já podem acessar versão online do Inglês sem Fronteiras“.

Um esquema mais fácil da taxonomia de Bloom?

A taxonomia para o domínio cognitivo de Bloom é muito conhecida e já teve diversas versões, entre elas, específicas para o uso com as TICs. Podemos ver em Eduteka (em espanhol) um artigo sobre o tema,   assim como uma tabela comparativa e Susan Oxnevad teve a boa ideia de reunir em Scoop.it uma serie de publicações que tratam sobre esta taxonomia (em inglês).

Através de uma postagem de Suki Husain no blog LearningToday.com conheci BloomingOrangerecentemente uma forma original de mostrar alguns verbos relacionados com cada uma das categorias da taxonomia de Bloom. “The Blooming Orange: Bloom’s Taxonomy Helpful Verbs Poster“, como seu nome indica, possui o formato de uma laranja.

O formato mais comum é hierárquico, com níveis e vertical. Com esse formato circular a intenção é mostrar que essas habilidades e seus verbos correspondentes não acontecem de forma isolada, elas ocorrem simultaneamente e, segundo sua autora, dessa forma deve ser mais fácil sua compreensão e aplicação por parte dos professores.

A percepção dessas possibilidades em seu conjunto é importante pois muitas vezes os professores nos concentramos em perguntas e atividades que propiciam o trabalho apenas com os níveis menos exigentes de lembrar ecompreender.

O que você acha?

Como um complemento termino com uma apresentação feita em Storybird sobre os verbos e as ações para cada nível da taxonomia de Bloom.

Vídeos para aprender inglês na UNIVESP

A UNIVESP disponibiliza em Youtube os vídeos de seus programas para aprender inglês “Inglês com música” e “Follow me”.

http://www.youtube.com/user/univesptv/videos?view=1&flow=grid&query=ingl%C3%AAs

http://univesptv.cmais.com.br/inglescommusica

Sai edital do PNLD 2015 com previsão de obras digitais

O edital para inscrição de obras didáticas do Programa Nacional do Livro Didático (PNLD) referente ao ano letivo de 2015, destinadas aos alunos e professores do ensino médio da rede pública, foi publicado nesta quarta-feira, 16, no portal do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

As editoras poderão apresentar obras multimídia, reunindo livro impresso e livro digital. A versão digital deve trazer o mesmo conteúdo do material impresso mais os objetos educacionais digitais, como vídeos, animações, simuladores, imagens, jogos, textos, entre outros itens para auxiliar na aprendizagem. O edital também permite a apresentação de obras somente na versão impressa, para viabilizar a participação das editoras que ainda não dominam as novas tecnologias.

O período para cadastramento e pré-inscrição de obras didáticas vai de 21 de janeiro até 21 de maio de 2013. A etapa seguinte, entrega das obras e da documentação exigida, terá dois períodos. O primeiro, de 3 a 7 de junho, para inscrição e entrega dos livros impressos e documentação. O segundo período, de 5 a 9 de agosto, para entrega dos livros digitais e documentos.

Além dos componentes curriculares já atendidos na última edição do PNLD de ensino médio, a novidade será o livro de arte. Os demais livros são de português, matemática, geografia, história, física, química, biologia, inglês, espanhol, filosofia e sociologia.

A previsão inicial de aquisição para 2015 é de aproximadamente 80 milhões de livros, beneficiando mais de 7 milhões de alunos de 20 mil escolas de ensino médio em todo o país.

Veja aqui o edital completo.

fonte:
texto e imagem: http://www.fnde.gov.br/fnde/sala-de-imprensa/noticias/item/4033-sai-edital-do-pnld-2015-com-previsao-de-obras-digitais
autor: Assessoria de Comunicação Social do FNDE
data: 16 Janeiro 2013


Escreva seu e-mail para assinar este blog e saber sobre o envio de novos comentários neste blog.

Junte-se a 78 outros seguidores

Arquivos do blog


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 78 outros seguidores